terça-feira, 17 de setembro de 2013

Homenagem a ''Um grande Corinthiano''

Salve Fiel,

A partir de hoje o blog conta com uma nova parceira, trata-se da Embaixadora de Várzea Grande-MT, Dinha Vincente, grande corinthiana que carrega a responsabilidade de representar a Embaixada da República Popular do Corinthians em sua cidade. Há pouco tempo atrás, faleceu um dos maiores símbolos do corinthianismo do estado do Mato Grosso, o senhor Alinor Costa, conhecido como "Coronel", figura que marcou a todos pela sua alegria de viver e pela paixão que tanto se orgulhava pelo Alvinegro de Parque São Jorge.

O texto a seguir é uma homenagem feita por nossa nova parceira, ao grande corinthiano, Coronel.

"Existem pessoas do nosso meio que sempre serão lembradas. Seja pela paixão pelo Corinthians ou por alguma coisa que fez durante a vida... Eu tive a honra de conhecer uma pessoa que conseguiu agregar as duas coisas, era uma pessoa incrível como profissional e um completo apaixonado pelo Corinthians. Por esses dois motivos está eternizado na memória de muitos corinthianos daqui de MT.

O senhor Alinor Costa era conhecido por ser Coronel do exercito, médico legista e professor de uma faculdade de Direito, mas acima disso tudo ele gostava de quando destacávamos que ele era corinthiano! Aaahhh... E como era corinthiano! Era corinthiano no carro que tinha o emblema do Corinthians nos bancos, na lataria, nos vidros... Era corinthiano na roupa, no porta celular que viva pendurado no pescoço o tempo inteiro, na forma de agir, na alegria de viver e na paixão ao torcer.

Ouso dizer que era o maior corinthiano que conheci na minha vida! A simplicidade e a alegria de viver  eram seu cartão de visita aos seus 70 e tantos anos não perdia uma festa de alunos de faculdade e participava de muitas festas de corinthianos, muito mais que muitos mais jovens todos os anos levava seu bolo do Corinthians para a ACTC e fazia questão de dividir com todos os presentes, mesmo aqueles desconhecidos por ele. O carisma era sua marca registrada.

Quem nunca ouviu a celebre frase “Sangue de corinthiano tem pode" que virou a frase da campanha Sangue Corinthiano de Cuiabá ou quem nunca o viu pedir para casar com uma loira ? Quem nunca presenciou ele se abaixar e beijar os pés de alguma moça bonita? Essas coisas só fizeram consagrar aquele a quem chamávamos Vovô, tantas vezes chamávamos de Vovô Coró só para o vermos soltar algum palavrão e em seguida cairmos na risada junto com ele. Como um bom corinthiano ele viveu! Viveu intensa e alegremente e dividiu essa alegria por muitas vezes com muitos. Acreditem foi ao Japão e trouxe na bagagem muito mais alegria e o nosso tão glorioso título de Campeão Mundial.

Depois da sua volta foi pego de surpresa pelo câncer, então nossa alegria se tornou preocupação e tristeza pela ideia de perder aquele que nos fazia aflorar tantas risadas. Como um bom corinthiano ele não fugiu a luta, enfrentou o câncer de cabeça erguida, lutou e lutou muito, então o seu coração começou a mostrar sinal de cansaço, começou a se emocionar demais com tanto carinho que recebia mais conseguimos ter o prazer de sua companhia depois de uma grande época de lutas, apesar de voltar a assistir alguns jogos na ACTC. Ganhou peso e conseguiu contaminar sua esposa Carmen com seu amor pelo Corinthians, ela que era palmerense fez uma promessa de que se o seu marido se curasse ela viraria corinthiana. Então quando ele começou a melhorar ela literalmente vestiu nosso manto e nós a recebemos de coração aberto, tivemos o prazer de comemorar seu último aniversário e ao cantarmos com a bateria “O o vovô voltou, o vovô voltou, o vovô voltooou!!”

Ele se sentiu emocionado demais para continuar conosco mas a alegria de podermos estar com ele comemorando seu aniversário encheu os corações de todos de esperança! Ele continuou lutando e mesmo tendo ficado tão debilitado fez questão de manter costumes que só corinthiano tem... Fez questão de ir para a UTI do hospital sem o camisolão por ser verde, mandou tirarem os lençóis verdes e entrou enrolado na bandeira do Corinthians, sua esposa Carmen continuou com sua promessa, cantava o hino para ele todos os dias na UTI até o dia que o nosso querido vovô resolveu torcer pelo Corinthians do céu. Deixou conosco um imenso vazio e silêncio. Algumas vezes me perco ao olhar a bateria e lembrar aquela figura carismática dançando a frente dela e noto que até nossa bateria não exala a mesma alegria.

Minha maior surpresa foi saber de um dos teus últimos desejos, ele tão corinthiano pediu a sua esposa que nos desse todos os itens do Corinthians que tinha em seu acervo pessoal, em torno de 200 itens diversos entre bandeiras, copos, roupas, chinelos... Tenho certeza que ele continuará vivo na memória de todos que tiveram o prazer de conhecê-lo e também na casa dos que mais tinham carinho por ele. Sei que muitos não irão ler até o fim mais uma pessoa tão querida não pode ter sua história nas sombras para sempre! Tenho certeza que hoje ele está empurrando o Todo Poderoso Timão lá das estrelas juntamente com tantos outros ídolos. Eternamente Corinthians!" 
(Dinha Vincente)



É incrível a emoção e a importância que o Corinthians trás pras nossas vidas, que os exemplos como o do senhor Coronel, devaneiem sobre as futuras gerações, para que possamos manter vivo o espírito de corinthianismo, essa paixão inexplicável que transborda no peito e enobrece a alma, o nosso tão querido Sport Club Corinthians Paulista. 

Estamos abrindo o espaço para os torcedores que quiserem divulgar suas histórias ou até mesmo homenagear algum jogador, algum amigo corinthiano, enfim, o espaço no nosso blog é todo de vocês, feito de corinthiano pra corinthiano, nos ajudem a manter sempre viva a memória corinthiana, meu perfil no facebook está bem acima na página do blog, basta clicar em CONTATO, obrigado.

PELO CORINTHIANS, COM MUITO AMOR, ATÉ O FIM!!!!!!!!!!!!!!!!! 

5 comentários:

  1. Dinha parabéns pela mensagem vc disse tudo, o Coronel ficará sempre em nosso coração, um grande homem, saudades eternas..

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela belíssima homenagem prestada ao "Eterno Dr. Coronel Alinor", que tive a honra de conhecer e apesar das poucas conversar em encontros que tivemos suas palavras sábias sempre estarão presente, juntamente com seu carisma e com seu amor "único" ao nosso querido Sport Club Corinthians Paulista.

    ResponderExcluir
  3. Que isso Dinha... inaugurou com chave de ouro sua participação... conseguiu descrever tudo que o nosso Vovô foi, é e será para nós Corinthianos de Tchapa e Cruz...

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela homenagem Dinha... Emocionante!!!
    Fiquei emocionada por lembrar do Vovô na ACTC e sua paixão eterna pelo Corinthians!!!
    Parabéns novamente...

    ResponderExcluir
  5. Eterno Vovô Coro e sua frase:

    "Sangue de Corinthiano tem poder!!"

    e a nossa saudação sempre que chegava junto da gente:

    "OOOO!! O Vovô chegou! P Vovô chegou! O Vovô chegou! OOOO!"

    Parabéns pelo texto Dinha, pela clareza, pela emoção e pela descrição de como o nosso Vovô Alinor ainda está junto de nós, em dia de jogo do Corinthians!!

    #VAICORINTHIANS

    ResponderExcluir